segunda-feira, 24 de julho de 2017

Livro:Coleção Biodiversidade nas Costas



Créditos: WWF

Data: 24/07/2017


A coleção Biodiversidade nas Costas (BNC) Tumucumaque busca aproximar temas ambientais de forma transversal dentro dos currículos da educação básica. O material pedagógico, composto por seis publicações, foi elaborado pelo WWF-Brasil, como parte do projeto BNC-Tumucumaque, em parceria com professores e alunos dos cursos de geografia e de Biologia da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP) e o Instituto Chico Mendes para a Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

As temáticas ambientais abordam as áreas prioritárias para a conservação da natureza, na Amazônia, como o Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque e propõe o desenvolvimento de atividades pedagógicas sobre o plano de manejo desta unidade de conservação federal. A proposta é aproveitar a sala de aula como um espaço oportuno para a provocação do exercício da criatividade entre os alunos, direcionando-a para os temas ambientais. Assim, a intenção é que as noções sobre a importância da conservação da biodiversidade regional sejam transmitidas nas disciplinas escolares.

Os tópicos apresentados são simples e enfocam o lado positivo das questões levantadas, a partir de uma abordagem que prioriza a proatividade de todos, educadores e educandos. A ideia é transmitir para os professores e os alunos exemplos de responsabilidade socioambiental, noções de ecologia que podem ser assimiladas de uma forma criativa e divertida.

Com isto, a ideia principal é promover a popularização da importância da conservação da biodiversidade, buscando-se despertar o interesse dos alunos. E, também, motivar os professores para que tenham condições de assumirem o papel protagonista da escola para a disseminação da conservação da natureza por meio do Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque.





terça-feira, 18 de julho de 2017

Ministério abre cursos na área ambiental



Rui Faquini/foto

Recursos hídricos: formação

Créditos:Ministério do Meio Ambiente
Data: 18/07/2017

Inscrições gratuitas deverão ser feitas até 28 de julho. Formações serão a distância em temas como água, agricultura familiar e clima.

WALESKA BARBOSA

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) abrirá, a partir desta segunda-feira (17/07), as inscrições para cursos a distância nas áreas de recursos hídricos, agricultura familiar, mudança do clima, produção e consumo sustentáveis, unidades de conservação, igualdade de gênero e outros temas.  


Os interessados devem se cadastrar no ambiente virtual do MMA  até o dia 28 de julho e escolher um ou mais cursos, que serão realizados sem tutoria. A efetivação da inscrição está condicionada à oferta de vagas. Até o fim do ano, serão abertas 40 mil vagas, incluindo turmas fechadas, realizadas por instituições parceiras.

Segundo a diretora de Educação Ambiental do MMA, Renata Maranhão, os cursos abordam aspectos essenciais das principais políticas públicas do MMA. “A ideia é que sejam desencadeados processos formativos continuados em todo o território nacional, voltados ao fortalecimento da gestão ambiental e ao enfrentamento das problemáticas socioambientais”, afirma.

O conteúdo produzido é livre, para uso público e pode ser disponibilizado para que instituições parceiras os ofertem em suas próprias plataformas Moodle.

HISTÓRICO

O MMA investe na customização de um ambiente virtual de aprendizagem e na elaboração de cursos de educação a distância. O objetivo é permitir o acesso a conteúdos socioambientais e materiais pedagógicos para utilização online e off-line. Já passaram pela plataforma cerca de 70 mil usuários.

Alguns cursos foram pensados e disponibilizados para recortes específicos de público e outros para ser ofertados de maneira livre, de maneira semipresencial, com apoio de instituições parceiras, a distância, com tutoria contratada ou voluntária e autoexplicativas (sem tutoria).

Os conteúdos disponibilizados se tornam subsídios e aportam ferramentas para o planejamento e a gestão de programas regionais e locais de Educação Ambiental.


Assessoria de Comunicação Social (Ascom/MMA): (61) 2028-1227